Cirurgia Plástica ou Neurocirurgia

Cirurgia Plástica ou Neurocirurgia

Pergunta : Eduardo Coultti ( Universidade Federal de Minas Gerais )

Bom dia!! Primeiramente gostaria de te parabenizar pelo site, pois este é muito útil e informativo para os acadêmicos de medicina. Bom estou no ultimo ano do curso e já me decidi que irei seguir na carreira cirúrgica, sei que devemos nos decidir quanto a subespecialidade no final da residência de cirurgia geral, mas tenho uma tendência a seguir para a cirurgia plástica, porem estou muito na dúvida se faço neurocirurgia.queria saber um pouco sobre o mercado para essas duas especialidades, principalmente na questão financeira e de mercado, pois se fizer qualquer uma das duas tenho certeza que estarei realizado. Desde já agradeço!!!

Pergunta : Eduardo Coultti ( Universidade Federal de Minas Gerais )

Bom dia!! Primeiramente gostaria de te parabenizar pelo site, pois este é muito útil e informativo para os acadêmicos de medicina. Bom estou no ultimo ano do curso e já me decidi que irei seguir na carreira cirúrgica, sei que devemos nos decidir quanto a subespecialidade no final da residência de cirurgia geral, mas tenho uma tendência a seguir para a cirurgia plástica, porem estou muito na dúvida se faço neurocirurgia.queria saber um pouco sobre o mercado para essas duas especialidades, principalmente na questão financeira e de mercado, pois se fizer qualquer uma das duas tenho certeza que estarei realizado. Desde já agradeço!!!

Resposta :

Na escolha da especialidade, além de analisar a qualidade de vida e a remuneração que a escolha vai te permitir, é fundamental levar em consideração também e principalmente, o tipo de paciente e os tipos de patologias com as quais vai lidar.

Cirurgia plástica e Neurocirurgia lidam com pacientes e com patologias bem diferentes.  Além disso o dia a dia das duas especialidades é bem diferente e você terá que avaliar em qual das duas situações você se sentirá mais confortável.

Embora, como vc mesmo diz, ainda seja cedo para essa escolha, algumas informações sobre as duas especialidades vão abaixo :

A neurocirurgia é uma das especialidades que confere maior status ao profissional, mas tem características especiais que devem ser analisadas antes da escolha.

É uma especialidade de acesso direto na residência com uma duração longa de 5 anos.

Além disso, leva-se um bom tempo para adquirir um posicionamento de renome, principalmente na medicina privada.

Comparando com outras especialidades, o tempo útil do profissional é menor, pois ele precisa estar  com 100 % de suas habilidades manuais conservadas para continuar a praticar a especialidade e qualquer pessoa com o decorrer do tempo, vai perdendo um pouco dessas habilidades..

Uma área em franco desenvolvimento fora do Brasil e começando a se desenvolver agora em nosso meio, são os serviços de emergência para acidentes vasculares , onde o neurocirurgião ou em alguns casos o radiologista intervencionista podem desempenhar um papel importante na colocação de stents.

Os ganhos financeiros são bons nessa especialidade e a qualidade de vida pode ser boa se o cirurgião for organizado, mas algumas urgências são comuns.

Somente existem plantões para neurocirurgiões em hospitais públicos, no restante apenas sistema de sobreaviso.

Ao todo, no Brasil são 69 serviços onde vc pode fazer a residência em neurocirurgia, sendo 19 em São Paulo, num total de 130 residentes entre R1 e R5.

A Cirurgia Plástica é uma boa especialidade e o Mercado está cada vez ficando maior. O Brasil é o segundo País do mundo em número de cirurgias plásticas. São aproximadamente 500.000 cirurgias por ano. 

Outra vantagem dessa especialidade é que não depende de planos de saúde, as cirurgias plásticas, que na maioria são estéticas, são  sempre pagas diretamente pelos clientes.

Além disso, a qualidade de vida desses profissionais é muito boa porque na maioria das vezes, as cirurgias são eletivas.

O status do especialista nessa área também é excelente; é uma categoria médica elitizada e talvez por isso muitos alunos de Medicina, em algum momento, pensem em serem cirurgiões plásticos.

Alguns aspectos especiais devem ser considerados na escolha dessa especialidade:

Para ser um cirurgião plástico de conceito médio, a maioria dos médicos pode conseguir, já que muitos procedimentos são técnicos e relativamente fáceis de se aprender com uma boa residência médica.

No entanto, para ser um Cirurgião Plástico acima da média e de grande fama, será necessário uma grande “ habilidade artística “( que nem todos possuem), além de uma boa dose de marketing.

Além disso, o amadurecimento do profissional dentro da especialidade é um pouco demorado e a duração da carreira também é mais curta; uma cliente de cirurgia plástica não vai querer ser operada por um cirurgião recém formado e também não vai querer os serviços de um cirurgião muito velho. Ela vai preferir um profissional na faixa entre 45 e 50 anos de idade.

A saída para esse especialista no inicio de carreira será os plantões como cirurgião geral ou mesmo como emergencista clinico e as cirurgias plásticas a nível de mercado popular em bairros mais simples.

Sucesso

Mário Novais

Mario Novais

Você deve estar logado para postar um comentário