Geriatria

Geriatria

Pergunta : Tagiane   Cardinal
Dr. Mario, vi que sua última postagem sobre geriatria foi em 2013 referindo-se como “especialidade ainda ruim” por ser pouco conhecida. O que o senhor acha da especialidade nos dias de hoje comparada a 2013 ? Obrigada

Resposta :

A geriatria ainda é considerada uma especialidade ruim, principalmente porque a população não sabe exatamente qual o papel do geriatra e a importância dele dentro de um contexto de aumento da expectativa de vida da população.
As pessoas estao ficando mais velhas, mas tb querem envelhecer com qualidade de vida e assim que descobrirem que o geriatra pode influenciar nisso, estarão procurando mais os geriatras.
Por outro lado os clínicos e outros especialistas, além de não saberem exatamente qual a função do geriatra, tb não encaminham com receio de perder o cliente…
Muitos idosos não tem plano de saúde porque é muito caro para essa faixa etária , o que abre uma possibilidade grande para se conseguir uma clientela particular , o que é difícil  na maioria das especialidades. Esse é o ponto mais positivo da especialidade.
Pontos negativos são o fato de não haver procedimentos que agreguem valor na consulta e o fato de ser uma especialidade relativamente triste, já que lida com pessoas muitas vezes na última década de vida.
Considerando apenas uma clientela particular, um geriatra que atenda somente 5 pacientes por dia e trabalhe 20 dias no mês pode receber honorários entre R$ 20.000,00 e 30.000,00 mensalmente, com uma relativamente boa qualidade de vida.

No entanto, aos poucos a Geriatria está ficando mais conhecida e já existe um crescente no que diz respeito  às Casas de Repouso ou Lar de Idosos;; com consequente melhora do mercado de trabalho para o Geriatra.

Sucesso

Mário Novais

widoctor

Os comentários estão fechados.